Cinco atitudes que Veterinários Líderes tomam e que aumentam os riscos do Burnout em sua equipe

Mensagem para a Médica-Veterinária e para o Médico-Veterinário na condição de Líder ou Gestor


Suas atitudes, seus comportamentos - ou melhor, a maneira como você age e "faz no uso da palavra" cria um efeito direto sobre a ansiedade e stress da sua equipe. Ou, sobre o desempenho e na Felicidade deles.


Quando é criado um efeito direto sobre a ansiedade e stress da sua equipe de veterinários - agrava ou aumenta as chances de desenvolver a Síndrome de Burnout em cada indivíduo da sua equipe.


Quais são as 5 principais atitudes que Veterinários e Veterinárias na condição de Líder tomam e que aumentam os riscos de desenvolver a Síndrome de Burnout na sua equipe?


1) Uso de linguagem negativa;

2) Ações incomuns ou erráticas;

3) Instabilidade emocional;

4) Pessimismo em excesso; e

5) Ignorar a emoção das pessoas.


Cinco atitudes involuntárias tomadas por chefes que estressam seus funcionários


Gerentes e líderes de equipe têm efeito direto nos níveis de estresse e ansiedade de seus empregados. O que dizem, sentem e fazem influenciam sobremaneira o bem-estar físico e emocional de sua equipe. E quanto mais líderes sêniores existem, maior é o número de pessoas que podem exercer influência — positiva ou negativa.

Infelizmente poucos líderes estão cientes do poder que têm. E muitos confiam excessivamente em sua capacidade de liderança, o que cria uma lacuna entre o nível de competência imaginado e o real. Isso explica por que até mesmo chefes bem-intencionados podem, inadvertidamente, contribuir para o aumento dos níveis de ansiedade de seus empregados — explica também por que sua capacidade de corrigir e melhorar seu modo de agir é limitada: afinal, se você acredita que seu estilo de liderança é eficaz, por que mudá-lo?


É por esse motivo que os líderes devem prestar muita atenção ao modo como agem e se comunicam; isso ganha ainda mais importância em tempos de incerteza como estes, pois tendemos a nos espelhar nos líderes, desejosos de que nos orientem diante do temor, nos mostrem firmeza e direção e, principalmente, nos deem motivos para seguirmos esperançosos e otimistas.


Caso você seja gerente ou líder, convém internalizar algumas lições psicológicas importantes sobre a maneira como seu comportamento — o que você diz, faz, sente e expressa — afeta sua equipe, principalmente se você não está ciente disso. Cinco padrões comportamentais costumam aumentar o nível de ansiedade das pessoas. Se for possível notá-los, será possível também aprender a mudá-los para que você se torne mais eficiente como líder.